Como Preparar o Concreto

Sabia como preparar o concreto, esse é o episódio #6 da série como construir uma casa. Fazer o concreto é o início da obra literalmente, ou seja, as fundações e o contrapiso da casa. Fundação é a parte da obra em que o peso da casa é transferido ao terreno. Confira os vídeos e aprenda:

Preparando o concreto (parte 1):

Preparando o concreto (parte 2):

Obtenção do concreto

Uma alternativa é comprar o concreto pronto. Ele é transportado em caminhões betoneira, assim você não se preocuparia em comprar o cimento e não ocuparia espaço na obra com cimento, areia e pedra. A qualidade e resistência desses materiais seriam garantidas pelo fornecedor. Você não precisaria de uma betoneira na obra, economizando água, energia elétrica e mão de obra. O concreto já vem na proporção certa e com a quantidade de água correta, evitando o desperdício de material.

Betoneiras

Outra alternativa é fazer o concreto na obra. Você pode alugar uma betoneira, que pode ser encontrada em anúncios de jornais ou nas páginas amarelas da lista telefônica. Nesse caso, você deve planejar e calcular os dias que a betoneira será usada. Alugar a betoneira por pouco tempo pode sair barato, mas alugar por mais tempo pode sair bem caro. Alugar somente quando precisasse não seria bom, pois você gastaria mais com o aluguel do carreto do que com a betoneira.

Mistura manual

Não é recomendado fazer a mistura no chão: o desperdício do material é enorme, o cimento corre pela calçada e se infiltra no terreno. É quase impossível manter o controle da quantidade dos materiais e você não teria a menor garantia quanto à qualidade e resistência do concreto. Fora isso, se gasta muito mais do que se esperava, além de correr o risco de entupir as bocas de lobo e sujar ruas e calçadas.

Masseira

Para a construção de um muro, ou pavimentação de uma calçada, é possível fazer o concreto na própria obra. Para isso, é preciso preparar uma masseira. A masseira é uma espécie de caixa, fechada na volta toda com tábuas bem pregadas, evitando a perda de água e cimento.

Definições

  • Argamassa: É uma mistura de areia, água e cimento. Ou areia, água, cal e cimento. Formando uma pasta para assentar pedras, tijolos ou blocos, uns sobre os outros na alvenaria.
  • Concreto: O concreto é uma mistura de cimento, areia, pedra britada e água.
  • Nata: Nata é uma mistura de cimento e água.
  • Agregados: Usamos a palavra agregados para definir o conjunto entre a areia e a pedra.

Cuidados com os agregados

Pedras britadas e areia são duas coisas muito importantes em uma obra. Dois cuidados devem ser adotados com esses materiais: o recebimento e o armazenamento. No recebimento e na compra, deve-se exigir o material sem resíduos misturados, como raízes e galhos. No armazenamento, faça um cercado com madeira ou blocos de concreto, para evitar que o material corra com a chuva. O correto, é que eles sejam cobertos por uma lona, para evitar que fiquem encharcados, ou que o vento leve a areia.

Cimento

O cimento é um aglomerante hidráulico. Aglomerante porque ele serve para aglomerar, ou seja, juntar os agregados numa massa única. E hidráulico porque ele desempenha a sua função de aglomerante, reagindo com a água e formando depois de um tempo uma massa compacta e dura, como uma rocha.

Cuidados com o cimento

O cimento absorve umidade com facilidade, depois de um tempo ele empedra. É por isso que o cimento deve ser novo, e não pode ficar armazenado durante meses. O ideal, é que ele só encontre a água depois que ele for para a betoneira.

Dicas

Não compre cimento velho empedrado, verifique a data de fabricação na embalagem, e armazene o cimento em lugar fechado, abrigado da chuva e sobre um estrado levantado do chão, em pilhas de no máximo 10 sacos de altura. Se você não tem muito espaço na obra, não compre muito cimento de uma vez.

Mistura em betoneira

Para o concreto estrutural, nunca use menos de 350 kg de cimento por metro cúbico de concreto. Calcule as proporções da mistura para uma quantidade adequada para o tamanho da betoneira. A base é um saco de cimento de 50 kg. Esse proporcionamento dos materiais é chamado de traço, ou seja, quantas partes de areia e de pedra devem ser adicionados a uma parte de cimento. Por isso e comum que se refiram ao traço dizendo “1 2 3” (para uma parte de cimento, duas de areia, e três de pedra britado) ou “1 2 4” (para uma parte de cimento, duas de areia, e quatro de pedra britado).

Proporção do concreto – Mistura manual

Coloque a quantidade certa, pois a água em excesso estraga o concreto. Espalhe bem a areia formando uma camada de 15 cm. Sobre a areia, coloque o cimento. Mexa os dois até formar uma mistura uniforme. Espalhe a mistura formando uma camada de 15 a 20 cm. Coloque as pedras sobre a camada misturando bem. Faça um monte com um buraco no meio. Adicione e mistura a água evitando que escorra.

Proporção do concreto – Betoneira

Com a betoneira em movimento, coloque a metade do total de pedras, um terço de água e misture por um minuto. Em seguida, coloque todo o cimento, a areia e o restante de água. E finalmente, o restante de pedras e misture por 3 minutos antes de usar o concreto.

Vibrador

O vibrador serve para adensar o concreto. Alem de ser uma ferramenta de fácil transporte, ela ajuda a acomodar o concreto a forma, eliminando os vazios e tornando a concretagem muito mais rápida. Retire o vibrador assim que aparecer a água na superfície do concreto. Se a vibração for além do tempo ideal, os materiais se separam, ficando os mais pesados no fundo, e os mais leves (como a água) na superfície.

Aditivos plastificantes

Existem aditivos plastificantes que permitem o concreto mais plástico, sem adição de mais água. No caso de usá-lo, veja as recomendações do fabricante quanto à quantidade a ser dissolvida na água que vai ser adicionada ao concreto.

Cura do concreto

As primeiras horas depois da concretagem são de vital importância para a qualidade do concreto. Para evitar que a água usada no concreto evapore com a ação do sol, é preciso cobrir o concreto com um lençol de plástico, e regar com frequência. Esse procedimento deve ser feito durante 3 dias. Depois disso é muito importante que o concreto não tome sol direto durante muito tempo. O aquecimento e o resfriamento do concreto podem causar trincas e fissuras, e para evitar que isso aconteça você tem que cobrir o lastro com um jornal velho e sacos de areia e cimento, e mantê-los sempre molhados.

Informação: Olá amigo(a)! Este é um artigo informativo, em caso de dúvidas procure um profissional especializado. Abraços! Equipe casabemfeita.com.

3 thoughts on “Como Preparar o Concreto”

  1. Marcos disse:

    Boa noite!

    Preciso tirar uma dúvida. Caso eu tenha cimento em casa, estocado a mais ou meno 1 mês e meio, este cimento formou algumas “pedras”. Dúvida, se eu quebra essas pedras de cimento, posso utiliza-lo novamente, sem quais quer danos em perda de qualidade e eficiência do cimento ?

    Muito Obrigado, fico aguardando resposta!

  2. edivaldo disse:

    tudo muito lindo gostei muito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>